Você está aqui
Home > Desporto > CERTT > Quatro Candidatos Para Um Título em Cuenca

Quatro Candidatos Para Um Título em Cuenca

 

Antonio Fortuny/Guifre Pujol – Toyota Hilux

O ano termina em Cuenca, onde até quatro pilotos têm possibilidades matemáticas de conquistar o título de Campeão Nacional de Espanha de Ralis Todo-o-Terrerno, o que dá uma boa ideia da competitividade intrínseca destaa disciplina do automobilismo espanhol, que ano após ano decide o seu vencedor no último quilômetro da última especial, da última prova. Empatados nos pontos estão, o SsangYong oficial de Oscar Fuertes-Victor Ferrero e a Toyota Hilux de Antonio Fortuny-Guifre Pujol, sendo estas duplas aquelas que à priori são mais propensas a conquistar o título.

A alguns pontos de distância está a Ford Ranger de Rubén Gracia-Diego Vallejo, que se impôs nas três últimas temporadas, de forma consecutiva, e que vai tentar somar mais uma conquista. Um pouco mais distante, está o Mitsubishi Montero de Gerard Subirats-Daniel Cámara. A dupla do Mitsubishi estará atenta, na expectativa de poder capitalizar com algum erro dos seus adversários, embora consciente de que as suas reais capacidades de chegar ao título são menos favoráveis que nos seus outros três adversários. Uma coisa é certa; uma destas quatro equipas vai sair do fim-de-semana como vencedora do campeonato.

Óscar Fuertes/Victor Ferrero – SsangYong Tivoli

Os árbitros desta luta serão o Mini X-Raid oficial de Nani Roma/Alex Haro e a Toyota Hilux de Luis Recuenco/Manuel Navarro, equipas muito competitivas e com reais possibilidades de vencer a prova. Aliás, estas duas duplas, poderão até de forma indireta condicionar qualquer um dos quatro potenciais candidatos ao título.

Com quase todo os títulos definidos para as várias categorias a competir em Cuenca, falta ainda encontrar o vencedor entre os SSV, que sairão da luta entre o Polaris de José Luis Peña/Juan José Martínez e o Yamaha de Pedro Delgado/Laura Díaz. Também está ainda por encontrar o campeão da categoria de Regularidade, em que os três candidatos são (Juan López, Gabriel Ubago e Sergio Moreno), todos eles com reais capacidades de saírem titulados de Cuenca.

Rubén Gracia/Diego Vallejo – Ford Ranger

A corrida, terá como epicentro o Museu Paleontológico de Cuenca, onde as verificações serão realizadas no dia de amanhã, que também inclui a realização do Prólogo de 6 km, que decidirá a ordem de partida para o dia seguinte. No sábado, uma secção de mais de duzentos quilômetros será abordada pelos participantes, que a percorrerão por duas vezes. O mesmo percurso, em sentido inverso, será ainda percorrido no domingo, o que totalizará mais de 600 km competitivos para os pilotos percorrerem em todo o fim-de-semana.

Fotos: CERTT

 

Facebook
Twitter

 

Artigos Semelhantes

Top